Nos Bastidores

Surto de Covid-19 atinge 374 detentos em penitenciária de Araraquara

 



A penitenciária de Araraquara passa por um surto de Covid-19: até agora 374 detentos tiveram resultado positivo para a doença e estão em quarentena. Outros 209 aguardam resultado e 80 estão recuperados. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), a testagem em massa começou no último dia 28. Os exames já foram realizados em 79% dos 2.059 detentos do presídio, que tem capacidade para 1.557 detentos.

Na segunda-feira, 22, Araraquara registrou a primeira morte de preso desde o início da pandemia. Em nota ao Estadão, a prefeitura informou que o paciente de 57 anos tinha comorbidade – hipertensão – e deu entrada na UPA no domingo, 21, com sintomas de falta de ar e resultado negativo para covid-19.

Segundo a prefeitura, o detento ficou em observação na unidade de saúde, onde realizou mais duas vezes teste para covid-19, apresentando resultado positivo no terceiro exame. Conforme a SAP, desde o início da pandemia, um funcionário da administração penitenciária morreu na cidade. A morte foi neste ano.

Ao Estadão, o secretário de Administração Penitenciária do Estado, Coronel Nivaldo Cesar Restivo, afirmou que, em razão do elevado número de casos, as medidas restritivas e de higienização adotadas desde março de 2020 por causa da pandemia foram intensificadas na Penitenciária de Araraquara desde o dia 28 de fevereiro.


(*) Com informações do Isto É

Nenhum comentário