Nos Bastidores

Depois de estreia com vitória na Rússia, brasileiro vislumbra título e avisa: ‘Estou pronto para quem vier’

(Foto: Divulgação/IstoÉ)

Elismar Carrasco acabou com a festa russa na segunda edição do Open FC, realizada no último dia 20 de fevereiro, na cidade de Samara, Rússia. Evento que promete dominar o Leste Europeu, a organização contratou o goiano e outros três brasileiros, que anotaram dois triunfos e duas derrotas. Escalado para enfrentar Viktor Kolesnik – atleta da casa – na luta principal, Carrasco não só venceu, como deu show, derrotando o rival russo em menos de dois minutos após uma sequência arrasadora de golpes.

“Eu estava muito bem preparado, concentrado, e ali dentro mesmo estudei o jogo do meu adversário. Só tenho a agradecer a Deus por tudo ter sido tão maravilhoso nessa estreia fora de casa”, declarou Elismar.

Campeão peso-pena do Future MMA e atleta consagrado no cenário nacional, Carrasco embalou a sua sexta vitória consecutiva na carreira. Rival do brasileiro, Viktor vinha de dois triunfos e lutas em diversos eventos europeus como o RCC e o M1 Global. Confiante depois do nocaute, o brasileiro revelou que sentiu menosprezado pelo russo antes e durante o combate: “Ele estava bem autoconfiante, desdenhou bastante, vinha de muitas vitórias e não contava que o comedor de pequi aqui, estava pronto para ir e dar o melhor”.

Com o resultado positivo, Elismar chegou a incrível marca de 23 triunfos anotados em 32 combates. Atleta da Junão Fighters, ele superou a maioria dos seus oponentes por nocaute ou nocaute técnico, 13 ao todo. De olho em voos ainda mais altos na carreira, o atleta de 32 anos espera que novas oportunidades possam surgir, mas caso isso não aconteça, estará pronto para ir em busca do cinturão peso-pena do Open FC em breve.

“A meta seria antes de tudo fechar com um evento como o Bellator, UFC, RIZIN FF, mas enquanto ninguém me enxerga, estou aqui para voltar à Rússia e ir em busca do cinturão. Vou continuar treinando pesado, orando para que me chamem pra um evento de maior magnitude, por enquanto estou pronto para quem vier”, falou.

(*) com informações do IstoÉ


Nenhum comentário