Nos Bastidores

Após viagem histórica ao Iraque, Papa Francisco volta a Roma

Papa Francisco e Abdullah Al Kurdi, pai do jovem Aylan Kurdi, durante viagem ao Iraque. (Foto: Vaticano/Divulgação)

ROMA, 8 MAR (ANSA) – Nesta segunda-feira, 8, após uma viagem histórica ao Iraque, o papa Francisco retornou a Roma.

O Airbus A330 da Alitalia aterrissou no Aeroporto de Ciampino por volta de 12h20 (horário local), colocando fim a uma das missões internacionais mais delicadas de Jorge Bergoglio em seu pontificado.   

Papa Francisco ficou três dias no Iraque e se reuniu com lideranças muçulmanas, como o influente clérigo xiita Ali al-Sistani, visitou cidades devastadas pelo Estado Islâmico (EI), como Mosul e Qaraqosh, e condenou as guerras por motivos religiosos, a opressão e o terrorismo.   

Essa foi a primeira visita de um papa ao Iraque e a primeira viagem internacional de Francisco após o início da pandemia de Covid-19. O país abriga uma pequena comunidade cristã, porém muito antiga e ligada às igrejas católicas orientais, como a Caldeia, e que foi perseguida pelos terroristas do EI. (ANSA).   

 

(*) Com informações do IstoÉ.


Nenhum comentário