Nos Bastidores

Advogado acusado de tentativa de feminicídio em Manaus presta depoimento à polícia e nega crime

 




O advogado Marcelo Oliveira Gonçalves, de 40 anos, suspeito de tentativa de feminicídio contra a ex-namorada, Teresa Victória Mota Pinheiro, de 22 anos, se apresentou à polícia na tarde desta quarta-feira, 24, para prestar depoimento.

Ele nega o crime, e acusa a ex-namorada de ter se auto-mutilado. Segundo a polícia, ele vai ser investigado por tentativa de feminicídio, furto, ameaça e sequestro.

Ele chegou no prédio da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) por volta das 13h. Segundo a delegada Deborah Mafra, o depoimento durou mais de duas horas.

Ao sair da delegacia, ele declarou ao G1 que não cometeu o crime. "São falsas as denúncias envolvendo meu nome. Aquelas marcas, algumas ela mesma fez, se automutilou. Tá tudo nos autos, já juntamos as provas suficientes. Todo esse circo montado vai cair por terra, porque o bem sempre vence o mal", disse.

(*) Com informações do G1

Nenhum comentário