Nos Bastidores

Harry e Meghan Markle planejam abordar tensões com Família Real em entrevista a Oprah Winfrey


Durante uma entrevista a apresentadora mais conhecida do Estados Unidos, Oprah Winfrey, o Príncipe Harry e a atriz Meghan Markle têm a intenção de abordar todas as suas tensões com a Família Real Britânica. A conversa entre eles está marcada para ser exibida na TV norte-americana no dia 7 de março. Os planos do casal em expor seus incômodos com a realeza foram revelados por uma fonte próxima a eles em depoimento ao site ‘EOnline’.

“Há muita tensão entre eles e a Família Real”, disse a fonte. “A entrevista vai esclarecer tudo o que eles têm passado. A Meghan e o Harry estão muito aliviados por estarem finalmente livres disso tudo” deu continuidade.

O “livres disso tudo” diz respeito à remoção oficial de Harry e Markle da realeza britânica. Os dois anunciaram suas renúncias dos cargos que ocupavam na monarquia em janeiro de 2020. O casal se mudaram para Los Angeles, nos Estados Unidos, em abril do ano passado e recentemente tiveram suas últimas funções removidas oficialmente pela Família Real.

Harry e Markle, são pais do pequeno Archie (1 ano), e anunciaram recentemente que estão a espera do segundo filho.

“Será uma entrevista muito sincera agora que eles estão oficialmente liberados”, disse a fonte. “Eles planejam tratar de muitos dos transtornos psicológicos pelos quais passaram e como isso tudo os afetou”.

No aguardo da entrevista do casal a Oprah, a Família Real Britânica teria sido aconselhada por assessores ainda ligados a Markle e Harry a “se esconder atrás do sofá” durante a exibição do programa. O aviso dado à realeza foi noticiado pelo jornal britânico ‘The Sun’.

“É hora deles se esconderem atrás do sofá”, disse ainda a fonte da publicação. “A Oprah é muito boa em fazer as pessoas falarem sobre seus sentimentos e deixar seus entrevistados à vontade, muitas vezes para depois se arrependerem. Eles vão expor seu alívio com o afastamento e os incômodos deles com isso tudo e a Oprah vai se aproveitar” finalizou.

(*) com informações da Revista Monet.


Nenhum comentário