Nos Bastidores

Ministro do STF nega prioridade em vacina a PCD's; Viviane Lima rabate usando LBI


Nos Bastidores - Agência Gr7 Comunicação

Manaus - O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou em despacho de terça-feira 25, a inclusão de todas as pessoas com deficiência e seus cuidadores ou responsáveis no grupo prioritário da vacinação contra a Covid-19.

Viviane utilizou suas redes sociais para questionar a decisão do ministro e lembrar, usando a lei, que as pessoas com deficiência têm direito a prioridade em tratamento de saúde no Brasil:

“As pessoas com deficiência têm direito a prioridade em tratamentos de saúde, segundo a LBI (art.9°, inciso II) Se a vacina é um tratamento, então elas têm prioridade na vacinação” – declarou Viviane Lima

Nenhum comentário