Nos Bastidores

Morre aos 87 anos, Nicette Bruno por Covid-19


Morreu neste domingo, vítima da Covid-19, a atriz Nicette Bruno, de 87 anos, que estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Casa de Saúde São José, no Rio de Janeiro.

“A Casa de Saúde São José informa que a atriz Nicette Bruno, que estava internada no hospital desde 26 de novembro de 2020, faleceu hoje, às 11h40, devido a complicações decorrentes da Covid-19. O hospital se solidariza com a família neste momento”, Diz o hospital em nota divulgada.

A atriz estava internada há três semanas após testar positivo para Covid-19. Na ocasião, ela passava bem e fazia uso apenas de ventilação não invasiva. E após uma semana, ela já estava em estado grave depois de ter uma piora na função renal que fez a atriz ser submetida à hemodiálise.

Nicette Xavier Miessa nasceu em Niterói (RJ), no dia 7 de janeiro de 1933. Começou a carreira ainda pequena, aos 4 anos, em um programa infantil na Rádio Guanabara. Aos 14 anos, já era atriz profissional na Companhia Dulcina-Odilon, da atriz Dulcina de Morais.

Aos 19 anos, conheceu Paulo Goulart, com quem compartilhou quase 60 anos de casamento até a morte de Paulo, em em 2014. Juntos, tiveram três filhos que seguiram a carreira dos pais: Paulo Goulart Filho, Bárbara Bruno e Beth Goulart.

Na TV, atuou em grandes sucessos, como “Meu pé de laranja lima” (1970), “Éramos seis” (1977), “Sétimo Sentido” “Louco Amor” (1983), “Selva de Pedra” (1986), “Rainha da Sucata” (1990) e “Mulheres de areia” (1993).

Nos últimos anos, passou por novelas como “A vida da gente” (2011), “Salve Jorge” (2012), “Joia Rara” (2013), “I love Paraisópolis” (2015) e “Pega Pega” (2017).

 

(*) com informações do IstoÉ.


Nenhum comentário