Nos Bastidores

Lori Loughlin, de 'Fuller House', é solta dois meses após ser presa por suborno

A atriz americana Lori Loughlin, que foi presa em outubro, já está em casa, segundo o site ‘TMZ’. Lori se declarou culpada no escândalo de suborno a universidades, nos Estados Unidos, para comprar vagas para as filhas.

Segundo o site, a atriz ainda terá que cumprir dois anos de liberdade supervisionada e realizar 250 horas de serviço comunitário. O marido da Loughlin, Mossimo Gianulli, também foi condenado a cinco meses e está preso.

Lori, o marido e mais cinquenta pessoas foram acusados pela Justiça Americana de participar de um esquema de compra de vagas em grandes universidades nos Estados Unidos. O casal foi acusado de conspiração para cometer fraude postal e eletrônica, lavagem de dinheiro e suborno a programas federais.

(*) com informações do IstoÉ.

Nenhum comentário