Nos Bastidores

Josué destaca que auxílio emergencial do Governo Bolsonaro chegou a 58,7% famílias do Amazonas

 


O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PRTB) destacou nesta quinta-feira (3), que o Governo Bolsonaro, por meio, do Ministério da Cidadania fez com que o auxílio emergencial chegasse a 58,7% dos domicílios do Amazonas. Segundo o parlamentar, o Governo Federal injetou R$  4,4 bilhões na economia do Estado.

“Criticam um governo do presidente de direita, dizem que não investe no social, mas quem crítica queima a língua porque nenhum governo, nem de esquerda, nem de extrema esquerda, nem os outros que antecederam, concedeu tamanho benefício ao povo do Amazonas, 58,7% das residências do Amazonas, das famílias do Amazonas, receberam auxílio emergencial”, disse o presidente.

Josué destacou que o benefício chegou ao interior do Estado, para a população carente, aos ribeirinhos e as famílias mais necessitadas do interior do Amazonas que tem o sustento de suas famílias na agricultura familiar e na comercialização de produtos naturais retirados da floresta de forma sustentável.

 

Dados

 

De acordo com o Ministério da Cidadania, o auxílio emergencial chegou a 29 milhões de lares brasileiros em outubro, ou 42,2% do total, como aponta a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Covid-19, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As regiões Norte e Nordeste seguem como as de maiores percentuais de residências recebendo o benefício: 58,4% e 56,9%, respectivamente.

Nenhum comentário