Nos Bastidores

Herdeiros de Michael Jackson pedem US$ 100 milhões em processo contra HBO


De acordo com a ‘Variety’, o Tribunal de apelações decidiu por unanimidade que a emissora HBO, ao exibir o documentário ‘Leaving Neverland’, quebrou um contrato feito com Michael Jackson, em 1992, que alegava que o canal não veicularia nada que manchasse a imagem do artista.

Os herdeiros do cantor estão pedindo uma indenização de US$ 100 milhões. A cláusula em questão se refere a exibição da turnê de 1992 pela HBO, “Michael Jackson Live in Bucharest: The dangerous tour”. A emissora alega que o contrato expirou assim que ambas as partes cumpriram as obrigações.

Apesar da aparente vitória, a emissora ainda não terá que pagar nada aos herdeiros. A disputa seguirá para uma arbitragem contratual, que analisará as duas partes. A HBO ainda pode recorrer ao Supremo Tribunal.

O documentário em questão gerou polêmica ao falar sobre os supostos abusos sexuais envolvendo o Rei do Pop. Os depoimentos são de dois homens, Wade Robson e James Safechuck, que dizem ter sofrido abusos por parte do artista quando eram crianças. Os herdeiros do cantor alegam que Michael Jackson não teve direito de defesa.

(*) com informações da IstoÉ.

 

Nenhum comentário