Nos Bastidores

Fotojornalista da REVISTA CENARIUM está na lista das melhores fotos de 2020 de agência internacional


MANAUS – O fotojornalista amazonense Ricardo Oliveira, de 50 anos, fotógrafo que integra equipe da REVISTA CENARIUM, entrou na lista das 50 melhores fotos de 2020 da agência internacional de notícias France-Presse (AFP), considerada uma das mais prestigiadas do mundo e que tem rede de produção estendida sobre 151 países.

Uma mãe com Covid-19 amamenta o filho de dois anos em uma cama protegida por mosquiteiro, logo após ser tratada com ervas medicinais na comunidade Waikiru, a Oeste de Manaus, Estado do Amazonas (Ricardo Oliveira/ AFP)

Oliveira teve uma foto selecionada para compor a lista. Além dele, o fotógrafo amazonense Michael Dantas também teve fotos selecionadas pela agência francesa, com duas imagens. A galeria ‘Las mejores fotos del 2020 según la agencia periodística AFP’ foi divulgada pelo jornal argentino Clarín.

A imagem do fotojornalista Ricardo Oliveira foi feita na tribo Wakiru, na Zona Oeste de Manaus, capital do Amazonas, e retrata uma mãe indígena amamentando seu filho de dois anos em uma cama protegida por mosquiteiro, após eles terem sido diagnosticados com Covid-19 e realizarem tratamento com ervas medicinais.

“Você ser selecionado em uma agência de notícias de mais de 100 anos é ter seu trabalho reconhecido. Fico extremamente feliz de ter feito essa foto, porque ela foi distribuída para todos os veículos de comunicação do mundo e reflete a situação do Brasil e, principalmente, dos indígenas excluídos pelo governo federal”, disse o fotojornalista.

Ricardo Oliveira

Aos 50 anos, Ricardo Oliveira é fotógrafo profissional há mais de 30 e há cerca de cinco anos é um dos colaboradores internacionais da AFP. Desde 1995, é formado em jornalismo pela universidade Cândido Mendes, onde também fez pós-graduação em Fotografia como Instrumento de Pesquisa nas Ciências Sociais. Além disso, Oliveira tem um livro autoral publicado que retrata as transformações climáticas no Amazonas.

Em 2016, foi o jornalista mais premiado da Região Norte, ganhando três prêmios de Direitos Humanos: o tradicional Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos; o prêmio Ministério Público do Trabalho e Direitos Humanos; e o prêmio Anamatra, de Direitos Humanos.

Desde junho deste ano, Ricardo Oliveira também atua como fotojornalista da REVISTA CENARIUM, onde vem cobrindo a Amazônia e o cotidiano de comunidades ribeirinhas e os povos indígenas.

Confira alguns dos registros de Ricardo Oliveira na REVISTA CENARIUM:

Ribeirinhos mortos em confronto com policiais são enterrados em Nova Olinda do Norte (Ricardo Oliveira/ Revista Cenarium)

Com olhar enigmático, menina segura crucifixo durante procissão de Santa Maria, na Vila de Canumã em Nova Olinda do Norte (Ricardo Oliveira/ Revista Cenarium)

Boi malhado, na Ilha de Vera Cruz, em Maués, anima manhã de crianças ribeirinhas do Amazonas (Ricardo Oliveira/ Revista Cenarium)

Por Bruno Pacheco - Revista CENARIUM

Nenhum comentário