Nos Bastidores

Justin Bieber conta que já pensou em suicídio por sofrer bullying

Justin Bieber, 26, desabafou sobre pensamentos suicidas que teve durante sua adolescência. Na ultima sexta-feira, 30, um novo documentário, ‘Justin Bieber: Next Chapter’, foi disponibilizado em seu canal do YouTube, o cantor fala em detalhes sobre sua saúde mental e a própria batalha contra depressão.

O cantor abriu o jogo e falou sobre os piores momentos da sua carreira e sobre a dor persistente que sentiu durante esses momentos que viveu desde que se tornou um fenômeno mundial.

“Teve momentos em que eu pensei muito em suicídio. Pensava em algo tipo ‘cara, essa dor vai passar algum dia?’. Era tão consistente, a dor era tão consistente. Eu estava sofrendo, então pensava: ‘Prefiro não passar por isso’.” Disse Bieber.

No documentário, Bieber também oferece conselhos para quem enfrenta esse tipo de dificuldade como a depressão.

"Eu rezo e medito. Escrevo músico, ouço música. Música é muito potente, pode ajudar muito quando você está se sentindo para baixo", disse. "Se você está se sentindo solitário, fale sobre isso. Diga em voz alta. Tem uma certa liberdade em fazer isso. Eu poderia ter evitado muita dor.” Acrescentou Bieber.

O cantor, e também compositor canadense, também disse que sofria com os constantes bullyings que sofria por conta de sua aparência. De acordo com Bieber, os haters diziam que ele “parecia uma menina”.

O cantor disse que, com a explosão da sua carreira, ele passou a experimentar drogas. “Eu não tinha ideia de que seria sugado por todas essas coisas. Havia tantas pessoas que eram tão más. Pessoas aleatórias que estavam tipo, ‘Você é péssimo’, ‘Você parece uma garota’. Eu queria me livrar disso e agir como se isso não me incomodasse, mas essas coisas me incomodavam e afetavam como eu agia e como tratava as pessoas”, explicou ele.

 

Nenhum comentário