Nos Bastidores

Casagrande se emociona ao falar de Diego Maradona


O ex-jogador e atual comentarista, Walter Casagrande, chorou ao falar da morte do ídolo Diego Maradona. Casão relembrou de sua relação com o argentino e se disse ‘revoltado’ por ninguém ao redor ajudar o craque, lamentando o falecimento de um dependente químico.  


“Eu estou bem chocado, não só pelo Maradona, pelo Vanucci (jornalista falecido) também, é muito difícil, né, esse ano, essa semana. Joguei na mesma época que Maradona na Itália, joguei com o irmão dele no Ascoli, então tive bastante contato com ele. Sempre me tratou muito bem, sempre tratou minha família muito bem” relembrou o comentarista em participação no programa ‘Jornal Hoje’, da TV Globo. 


Casagrande lamentou a situação de dependência de drogas do ídolo argentino e chorou ao falar sobre o assunto. 


“Eu sempre tive preocupação com esse problema da dependência química dele, é o mesmo problema que eu tenho, me tratei, e sempre fiquei revoltado com quem estava ao redor dele, porque quem estava ao redor via que ele ir ao fundo do poço e ninguém faz alguma coisa pra evitar o que aconteceu hoje? Fico chocado pela perda de um grande jogador, um cara que eu conheci e gostava muito… E por um dependente químico, porque eu sofro muito quando morre um dependente químico, para mim é muito duro” disse ele. 


Diego Maradona morreu nesta quarta-feira, 25, após uma parada cardíaca aos 60 anos, em sua casa em Tigre. Ele já havia preocupado os fãs no começo do mês, quando foi internado com sintomas de anemia. Na época, foi descoberta uma pequena hemorragia no cérebro, e o ex-jogador precisou passar por uma cirurgia para drená-la. Após mais de uma semana de internação, ele recebeu alta no dia 12 de novembro. 

  

(*) com informações do GloboEsportes. 

Nenhum comentário