Nos Bastidores

Acidente entre ônibus e caminhão deixa mais de 30 mortos no interior de São Paulo


Na manhã desta quarta-feira, 25, um acidente entre um ônibus e um caminhão provocou mais de 37 mortes e deixou mais dezenas de feridos. O Corpo de Bombeiros de Piraju disse ao site ‘UOL’ que recebeu o primeiro chamado para atender a ocorrência às 6h45 da manhã. O acidente ocorreu na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, entre Taguaí e Taquarituba, na região de Avaré, no interior de São Paulo. Segundo o capitão do Corpo de Bombeiros, Edson Winckler Filho, até o momento há a confirmação de 32 mortes, entre eles alguns ainda com corpos presos nas ferragens. "Até o momento tivemos 25 vítimas retiradas e as equipe estão realizando esse processo de extração para mais 7 vítimas que foram visualizadas. Então no total, visualizados 32 corpos", afirmou o capitão Edson, à CNN. Além do Corpo de bombeiros, a Polícia Militar também confirmou o número de 32 mortes, de acordo com o tenente Alexandre Guedes. "É a maior ocorrência de acidente com vítimas fatais nas rodovias neste ano. Não há mais sobreviventes no local. Todos os sobreviventes foram socorridos", disse ele à GloboNews. De acordo com a PM, o acidente aconteceu no km 172 da rodovia, em Taguaí. As informações são de que o ônibus levava funcionários de uma empresa têxtil para o trabalho. Ao menos 15 pessoas já foram levadas a hospitais e outras tentam ser resgatadas das ferragens, e o número pode ser atualizado, já que as informações são comprometidas pelas dificuldades de contato com o local. "Estou aqui no local acompanhando a operação deste trágico acidente. Algumas vítimas foram socorridas antes da chegada do Corpo de Bombeiros. No local os bombeiro estão realizando a extração destas vítimas, a retirada destas vítimas que estavam fora deste ônibus e estão no interior ainda", acrescentou o capitão. O Corpo de Bombeiros de Piraju também informou ao ‘UOL’, às 10h30, que os Bombeiros ainda estão no local realizando os trabalhos em conjunto com a Polícia Rodoviária local. De acordo com a corporação, ainda não há a quantidade exata de vítimas fatais, no entanto, acredita-se que seja por volta de 20 pessoas. Duas pistas foram interrompidas devido ao acidente. Segundo apurações feitas pelo site, a fábrica em que trabalham os funcionários é a Stattus Jeans. As vítimas estão sendo levadas para os hospitais de Taguaí, Fartura, Taquarituba. A região tem inúmeras fábricas têxteis, a maioria concentrada em Taguaí. Geralmente, estes ônibus buscam os funcionários das cidades da região para o trabalho. A Star Turismo, empresa dona do ônibus envolvido no acidente, informou que os dados do acidente estão sendo apurados. "Muitas informações desencontradas e, no momento, todos os esforços sendo direcionados para o socorro das vítimas. Assim que obtermos informações a empresa emitirá uma nota", explicou um representante. Contataram a Stattus Jeans, mas até o momento não houve retorno. Prefeitura de Taguaí decreta luto A Prefeitura de Taguaí decretou luto oficial de três dias nas repartições públicas do município devido ao acidente e lamentou as mortes na página oficial do Facebook. "Hoje a cidade amanheceu com a triste notícia de um acidente envolvendo um caminhão e um ônibus com trabalhadores de confecção que vinham de Itaí e Taquarituba para Taguaí. Informações mais detalhadas ainda estão sendo apuradas pelos órgãos competentes. Externamos nossos sinceros sentimentos às famílias, amigos, à empresa e colegas de trabalho destes que se foram. Dia triste.", escreveu.

(*) informações do UOL.

Nenhum comentário