Nos Bastidores

'Farei Plantão em Brasília' afirmou Átila Lins em defesa de Romeiro Mendonça

Na última quarta-feira, 06, em defesa de Romeiro Mendonça, prefeito de Presidente figueiredo, o deputado federal Átila Lins (Progressistas) entrou com uma petição  junto ao ministro relator do caso que, cassou os mandatos do prefeito e seu vice no município

ENTENDA O CASO
Os mandatos foram cassados por uso de dinheiro por fonte desconhecida na campanha de 2016. O próprio ministro Luis Felipe Salomão, após negar recurso especial apresentado pela defesa da chapa e determinar o imediato afastamento deles e a realização de novas eleições, reconduziu o Prefeito Romeiro e seu vice aos seus respectivos cargos. 
À época, Salomão considerou entendimento do TRE-AM (Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas) de que “foi provado nos autos o recebimento pelos recorridos de valores de origem não identificada e doações de pessoas jurídicas, por meio dos sócios proprietários, o que evidencia a captação ilícita de recursos eleitorais em afronta ao art. 30-A da Lei 9.504/97”.
A DEFESA
O deputado Átila Lins, por meio de seus advogados, envia ao ministro relator, um parecer se prontificando a defender Romeiro Mendonça e seu vice Mário Abrahão.

De acordo com um portal local, Figueiredo News: Um grupo de oito pessoas foi ouvido no centro da cidade pela equipe do portal e afirmaram não ter gostado da interferência do deputado no caso.

PACTO FIRMADO
Os irmãos Átila e Belarmino Lins, líderes do Progressistas no AM saíram em defesa de Romeiro durante a inauguração do diretório municipal do partido no dia 13 de março de 2020:

 “Fizeram uma injustiça com você Romeiro, eu e Belão não vamos deixar que eles façam isso com você. Porque até em Brasília tentaram cassar seu mandato, mais eu irei dá plantão para que isso não aconteça” disse o deputado.


(*) Nos Bastidores com a colaboração do Portal Figueiredo News






Assista o vídeo:

Nos Bastidores AM

Nenhum comentário